Revista Emêrgencia Digital - 1
 
 
    Eventos
    Geral
    Legal
    Leia na Edição do Mês
    Ocorrências
    Produtos & Serviços
    Últimas Notícias
E Superguianet - Banner 5
E Fotos Redes Sociais Banner 5


Você está em: Matérias / Entrevistas / JORGE LUIZ NOBRE GOUVEIA - Gerente de Atendimento a Emergências da Cetesb fala sobre a evolução do setor e a importância da integração entre os órgãos públicos e empresas privadas em uma ocorrência
Entrevistas
JORGE LUIZ NOBRE GOUVEIA - Gerente de Atendimento a Emergências da Cetesb fala sobre a evolução do setor e a importância da integração entre os órgãos públicos e empresas privadas em uma ocorrência
Atuando na Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) há 32 anos e à frente do setor de Atendimento a Emergências do órgão desde 2005, o especialista em Emergências Químicas, Jorge Luiz Nobre Gouveia, ressalta o crescimento da área como um todo, destacando a estruturação do setor ao longo dos anos e a preocupação das empresas em relação à prevenção de riscos e redução de danos. Segundo ele, os acidentes envolvendo transporte de produtos perigosos ocupam o maior índice de ocorrências no estado, mobilizando a Cetesb, a partir do Centro de Controle e Desastres e Emergências Químicas, a qual atua em conjunto com empresas do setor público e privado.

Em entrevista à Revista Emergência, Gouveia fala sobre a importância das novas tecnologias empregadas no atendimento às emergências químicas como aplicativos de uso profissional, viaturas mais avançadas, roupas com níveis de proteção mais adequado e equipamentos portáteis de detecção de última geração. Para ele, a evolução tecnológica, aliada à contínua capacitação profissional é o passo correto para um bom atendimento, redução de acidentes e mitigação de danos.

PERFIL
JORGE LUIZ NOBRE GOUVEIA

Graduado em Química Industrial pela Universidade Federal da Paraíba, em 1985, Jorge Luiz Nobre Gouveia é especialista em Engenharia de Controle de Poluição (1990), mestre em Saúde Pública (2004) pela USP (Universidade de São Paulo) e doutor em Ciências pelo IPEN (Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares), 2015. Atuando no setor de Emergências Químicas há mais de 26 anos, Gouveia realizou diversas capacitações durante sua carreira como, por exemplo, curso de proteção do ambiente marinho no Japão (1993), cursos sobre emergências químicas na Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA) nos anos de 1995 e 2000, e de Estratégias para Gerenciamento de Substâncias Químicas na Suécia (2015). Gouveia também foi consultor da Organização Panamericana de Saúde e representante da Comissão Nacional de Segurança Química, pela Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente. Atualmente é gerente do Setor de Atendimento a Emergências da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de SP).

COMO O SENHOR SE INTERESSOU PELO SETOR DE EMERGÊNCIAS QUÍMICAS?
Eu me formei em Química Industrial, em 1985, pela Universidade Federal da Paraíba. Já em São Paulo, ingressei na Cetesb em 1986, como estagiário no Laboratório de Química Inorgânica, no qual trabalhei por seis anos. Até que surgiu uma oportunidade de ingressar na área de Emergências Químicas. Por se tratar de uma área que envolvia diretamente o atendimento com substâncias químicas, me despertou bastante interesse, não só por isto, mas também por ser algo mais dinâmico, fora da rotina do laboratório. Desde então, eu atuo neste setor no qual, em 2005, recebi o convite para assumir a gerência.

Por
Revista Emergência / Luana Cunha

FOTO
Arquivo Pessoal

Confira a entrevista completa na edição de dezembro da Revista Emergência.
 
Mais de Entrevistas
 
1     2     3     4     5     6     7     8     9     10
Edição do Mês
 
 

 
 
© Copyright 2009 - Revista Emergência. Todos direitos reservados.
Rua Domingos de Almeida, 218 - 93.510-100 - Novo Hamburgo - RS - Brasil. Central de Atendimento: 51 2131.0400
Outras Publicações Revista Emergência Nossos Eventos Eventos Emergência SuperGuiaNet Loja Virtual Legislação
Entidades Estatísticas Download Fale Conosco
Loft Digital