Crédito: Beto Soares/Estúdio Boom

Estudo aborda a forma como deve ser realizado o combate a incêndios nesses tipos de veículos

Com a crescente presença de VE (Veí­culos Elétricos) e, principalmente, VH (Veículos Híbridos) circulando em todo o país, faz-se necessário que os Corpos de Bombeiros dirijam atenção às peculiaridades destes tipos de automóveis, principalmente, quanto aos procedimentos a serem adotados na hipótese de acidentes. Sendo assim, o CBMRS (Corpo de Bombeiros Militar do RS) deve estar preocupado em preparar o seu efetivo de bombeiros militares para atuarem em ocorrências em que tais veículos estejam envolvidos.

Este tema é extenso e envolve um conhecimento profundo e detalhado, motivo pelo qual, diante de todas as possibilidades e riscos em caso de acidentes envolvendo veículos elétricos e híbridos, tais orientações devem ser abordadas em obra específica, como manuais temáticos, etc.

Este trabalho visa esclarecer aos alunos-oficiais do CSBM (Curso Superior de Bombeiro Militar), bem como os demais bombeiros militares, as peculiaridades destes veículos em casos de acidentes, bem como a forma de combater os incêndios, visando fomentar o estudo e preparação para o enfrentamento desse novo risco.


Dados dos autores:

Luciano Franco Fernandes – Aluno-Oficial do CSBM – Escola Superior de Bombeiro Militar – ABM – CBMRS
[email protected]

Sérgio Pastl – Coronel RR da Brigada Militar, Tutor da Disciplina de Metodologia Científica I do CSBM


Confira o artigo completo na edição de novembro/janeiro da Revista Emergência.