Data: 24/03/2010 / Fonte: CBMES

Espírito Santo – Nesta terça-feira, 23 , aconteceu a solenidade de lançamento do livro sobre a história do Corpo de Bombeiros. O evento foi realizado no Quartel do Comando Geral, localizado na Enseada do Suá, em Vitória. Durante o evento também aconteceu a solenidade de promoção de 54 profissionais, sendo 33 para oficiais e para 21 praças, resultantes da reformulação da estrutura da Corporação.

O livro relata a construção da instituição e de sua identidade ao longo de 96 anos de existência, mostra também a evolução gradativa a partir das ações embrionárias de combate a incêndio, inicialmente desempenhadas por populares e voluntárias passando a serviços prestados por presos com supervisão estatal ou exercidas de forma alternada com o patrulhamento das ruas executados por policiais.

O livro registra ainda dados curiosos, como os primeiros desbravadores da instituição em território capixaba, bem como o registro dos nomes daqueles que fizeram parte da Corporação e de sua história.

Os oficiais e praças promovidos ocuparão as respectivas funções e cargos dentro da estrutura criada com o projeto de reestruturação do Corpo de Bombeiros Militar.

Apresentação de novos integrantes

Na solenidade, também foram apresentados os novos 84 alunos soldados do Corpo de Bombeiros, que vão participar do Curso de Formação de Soldados. Durante o curso os alunos serão submetidos a uma extensa grade curricular, com disciplinas como combate a incêndios urbanos e florestais, salvamento em altura, atendimento pré-hospitalar, resgate em regiões alagadiças, corte de árvores em risco, salvamento aquático e mergulho, atendimento a ocorrências de produtos perigosos e defesa civil.

Também são exigidas as partes física, psicológica e intelectual dos soldados com o objetivo de preparar o futuro bombeiro militar para o desempenho das suas missões, especialmente aquelas que envolvem vítimas em situações de alto risco. O trato com a população também será exigido uma vez que a grande maioria das ocorrências envolve pessoas vitimadas e seus parentes.

Os futuros soldados, após sua formatura prevista para dezembro desse ano, integrarão as novas unidades contempladas no plano de expansão, tanto da Grande Vitória como no interior. Eles participaram do curso de formação, com duração de oito meses.


 


 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui